PS Castro Verde

Nesse sentido, o comunicado destaca “o modo como a Câmara Municipal e a União de Freguesias de Castro Verde e Casével têm estado muito próximas das famílias e das pessoas mais vulneráveis, dos lares de idosos, dos Bombeiros, da Cruz Vermelha e das empresas do concelho”.

“Tem sido um trabalho intenso” frisa o PS de Castro Verde, acrescentando que tem sido “um trabalho em prol de todos, com grande sentido de serviço público e permanente articulação, mobilizando a sociedade civil, valorizando o voluntariado e contando com a enorme disponibilidade de muitos trabalhadores, como é o caso das auxiliares de ação educativa que, há várias semanas, estão envolvidas na produção de milhares de máscaras de proteção para a nossa comunidade”.

O documento realça que “nesta fase tão exigente, os autarcas do Partido Socialista mostram que em Castro Verde ninguém fica para trás. Essa é a sua obrigação. Foi para isso que o povo de Castro Verde os elegeu. Por isso, o PS orgulha-se do seu trabalho dedicado e incansável de todos os seus autarcas”.

Contudo, o PS de Castro Verde considera que “num período que exige a máxima responsabilidade de todos, porque todos estamos no mesmo barco, não queremos deixar de registar a evidente falta de solidariedade de alguns que, mesmo em tempos tão exigentes, não abdicam de uma agenda pessoal e política inqualificável”.

“Perante essa atitude irresponsável”, o PS de Castro Verde salienta que “não pode deixar de dar mais força aos seus eleitos na Câmara Municipal e a União de Freguesias de Castro Verde e Casével. O caminho é difícil, mas vamos continuar ao lado das pessoas, com a mesma determinação e solidariedade de sempre”, diz ainda o comunicado


Comente esta notícia