Hélder e Nelson

Nas últimas semanas a aposta tem sido o contacto directo com os militantes através da realização de sessões nas várias concelhias, a partir desta semana, juntam-se outras iniciativas às “agendas” dos candidatos.

Nelson Brito aposta na realização de reuniões com a “sociedade civil”, estão em agenda encontros com a EDIA-Empresa de Desenvolvimento e Infra estruturas do Alqueva, a ACPA-Associação de Criadores de Porco Alentejano, a ACOS-Associação de Agricultores do Sul, a FAABA-Federação das Associações de Agricultores do Baixo Alentejo, o Instituto Politécnico de Beja e a ULSBA-Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo. De acordo com Nelson Brito são encontros muito importantes para perceber as “problemáticas” e os “anseios” da população e da sociedade civil.

Hélder Guerreiro vai promover quatro sessões temáticas, com militantes que trabalham nos sectores da saúde, educação, serviço social e em áreas que estejam directamente ligadas aos “recursos da região”. Segundo Hélder Guerreiro a ideia é recolher contributos, nomeadamente preocupações e necessidades sentidas, que ajudem o PS do Baixo Alentejo a ter uma capacidade de reivindicação mais forte.


Comente esta notícia