OP Castro Verde

Até 31 de agosto, os cidadãos com idade igual ou superior a 16 anos, estudantes, residentes ou recenseados no concelho de Castro Verde, podem apresentar na plataforma e nas Assembleias Participativas que se iniciam já a partir de amanhã, as suas propostas de interesse público a incluir no Orçamento Municipal para 2020.

Espaço público e espaços verdes; Urbanismo; Cultura e Desporto; Ação Social, Educação e Juventude; Modernização Administrativa; Trânsito, Infraestruturas e Mobilidade; Higiene Urbana; Turismo, Desenvolvimento Económico e Ambiente são as áreas sobre as quais podem incidir as propostas a apresentar pelos munícipes.

Após o dia 31 de agosto, segue-se a fase de análise das propostas pela Comissão Técnica de Análise, que irá decorrer até ao dia 11 de setembro de 2019.

O Orçamento Participativo tem como objetivos aproximar os munícipes das políticas públicas municipais, através da recolha e integração de propostas no Orçamento Municipal para o próximo ano, estando definido um total de 40 mil euros para as ações de 2020.


Comente esta notícia