navio ipma

O PCP começa por afirmar que “para desempenhar as funções que lhe estão acometidas o IPMA dispõe ao seu serviço de quatro navios de investigação que complementarmente permitem realizar as missões de avaliação do estado dos stocks piscícolas para a atribuição das respectivas quotas de captura, e trabalhos de investigação offshore multidisciplinares em ambientes ultra profundos do oceano Atlântico”.

Segundo o PCP “para suprir as necessidades de operação destes navios, o Ministério do Mar e o IPMA têm preferido optar por recorrer à subcontratação de trabalhadores através de Agências de Manning, prejudicando a utilização dos navios e os trabalhadores, situação que foi já criticada pelo Tribunal de Contas”.

João Dias, deputado do PCP eleito por Beja, afirma que é preciso dotar estes navios de uma tripulação fixa, integrada nos quadros do IPMA, com contratos de trabalho permanentes porque é insustentável a actual situação.

Nesse sentido, o Grupo parlamentar do PCP quer saber que investimentos está o ministério do Mar disponível a fazer, relativamente aos quatro navios do IPMA a nível de recursos humanos e sobre o trabalho que desenvolve.



Comente esta notícia