Dias Coelho PCP

Nesse sentido, valorizando o papel que o Poder Local tem desempenhado no surto epidémico Covid 19, a DRA do PCP denuncia a intensa campanha de demagogia promovida, em particular por eleitos autárquicos do PS na Região.

Dias Coelho, da DRA do PCP, afirma que se trata de uma campanha animada e alimentada por vários órgãos de comunicação social que  procura valorizar medidas, algumas das quais correspondendo a necessidades da população que são da responsabilidade do Ministério da Saúde, do Ministério do Trabalho da Solidariedade Social, da Educação e da Administração Interna.

A DRA considera que, ao invés de uma valorização balofa do papel daqueles que estão na linha da frente como, entre outros, os trabalhadores das autarquias, o que importaria era que o governo avançasse com a regulamentação e aplicação do subsídio de penosidade e risco, designadamente e a título de exemplo para os trabalhadores da recolha do lixo, ou com a regularização dos vínculos precários e o pagamento integral do trabalho extraordinário aos milhares de trabalhadores que prestam serviço público.

Para Dias Coelho neste momento também é importante que os investimentos que estão previstos para a região não parem, referindo-se à construção do Hospital Central em Évora e à 2ª fase de construção do Hospital de Beja.

Finalmente Dias Coelho considera que é fundamental que possam ser dados passos tendo em vista a concretização da regionalização.



Comente esta notícia