cultura popular

Segundo o documento, “a participação de Odemira no concurso das 7 Maravilhas da Cultura Popular segue as anteriores presenças nas 7 Maravilhas (Maravilhas Naturais de Portugal, As Melhores Praias de Portugal, Aldeias de Portugal, 7 Maravilhas à Mesa, 7 Maravilhas Doces de Portugal), que têm promovido o concelho de Odemira e o seu património natural e cultural a nível nacional e, também, internacional”.

O objetivo das 7 Maravilhas da Cultura Popular passa por evidenciar a vivência e reconhecimento do património cultural material e imaterial do nosso país, destacando e promovendo as tradições de todas as regiões, onde “a expressão da sua autenticidade se encontra em cada um de nós, em cada aldeia, vila ou cidade”, sendo particularmente enaltecido “o valor de cada manifestação cultural enquanto afirmação distintiva do seu território”.

O concurso é organizado em 7 categorias distintas: Artesanato, Lendas e Mitos, Festas e Feiras, Músicas e Danças, Rituais e Costumes, Procissões e Romarias, Artefactos.

A organização recebeu 504 candidaturas que foram avaliadas pelo Conselho Científico, que atribuiu o selo a 471 Nomeados. Os resultados da avaliação serão conhecidos a 7 de junho.

O Painel de Especialistas, composto por 7 elementos de cada um dos 18 distritos e 2 regiões autónomas, elegerá 7 patrimónios de cada região, num total de 140 finalistas regionais, que participarão nas respetivas eliminatórias regionais.


Comente esta notícia