Vacina Covid-19

Como se pode ler no Notícias ao Minuto, Ana Mendes Godinho refere que naturalmente não poderá ocorrer a vacinação nos lares em que haja surtos, e aproveitou também para agradecer o esforço de todos os envolvidos no processo e, em particular, do Ministério da Saúde que tem sido incansável para garantir que esta operação decorra da melhor forma possível.

Quando questionada sobre os lares ilegais e clandestinos, nomeadamente se estão incluídos neste plano de vacinação, a governante adiantou que todas as instituições que se conheçam e que seja possível identificar serão abrangidas, e que apesar do arranque da vacinação, as medidas preventivas serão mantidas. Existem atualmente 788 lares que não tem licenciamento formal por parte da Segurança Social e que se encontram nas listas para a vacinação, segundo informação disponível no Notícias ao Minuto.


Comente esta notícia