Aeroporto de Beja

O OBA considera que “esta é a solução estratégica integrada” adequada para o “desenvolvimento do aeroporto de Beja” por permitir a criação de um “interland ibérico a partir desta infraestrutura”, projetando a partir daqui, defende o Observatório, “todas as áreas de negócio, da agricultura à tecnologia e à qualificação, da indústria e à cultura e ao turismo”. Acrescenta que o “interland ibérico” será promovido depois “através do Gabinete de Promoção do Parque Logístico” proposto. De acordo com declarações proferidas por Jorge Barnabé, presidente do OBA, no dia em que o Observatório fez a sua apresentação formal à comunidade.

Jorge Barnabé explica que “o Gabinete” que o OBA está a tentar criar deve “nascer da sociedade civil, em articulação com as entidades públicas locais e nacionais de forma a garantir a sua execução e coerência estratégica.”


Comente esta notícia