QUARTETO DA ALBA

Segundo explica a Lendias d’ Encantar, “a peça estava com estreia agendada para Maio, mas devido às medidas impostas pela pandemia, sofreu o adiamento para este mês”.  Conforme adianta António Revez, Director Artístico da Lendias d’Encantar, “nunca deixámos de trabalhar, apenas nos adaptámos às necessidades impostas pelo confinamento”, garantindo que este espectáculo marca “de forma clara e imponente o regresso à actividade regular da companhia”.

Quarteto da Alba 2.0 é uma crónica no feminino sobre uma civilização que perde dignidade, mas que mantém a esperança, com interpretações de 5 jovens actrizes, que há cerca de dois meses se encontram em Beja a trabalhar neste projecto, tal como explica António Revez.

Com o apoio do Município de Beja, o espetáculo apresenta-se na Sala estúdio do Teatro da cidade. 


Comente esta notícia