energia fotovoltaica

A potência instalada, 1 MW, vai permitir distribuir energia para 801 habitações e de acordo com a EFACEC, um dos objectivos passa pela redução da pegada ecológica, evitando a emissão de 901 toneladas de CO2, o equivalente à plantação de cerca de 20 mil árvores. Trata-se de um projecto que se destaca pela utilização de tecnologia de seguidor de um eixo que permite optimizar a produção de energia, a partir do sol, ao longo do dia.

Para além de Moura, a EFACEC vai ainda construir mais três centrais fotovoltaicas, nomeadamente nos Açores, Vila Nova de Famalicão e Guimarães.



Comente esta notícia