Convento do Carmo Moura

A  revelação é feita, em nota de imprensa, pela autarquia de Moura que recorda que terminou no dia 30 de Julho, o prazo para apresentação de candidaturas no âmbito do concurso público para concessão de exploração do Convento do Carmo como empreendimento turístico”.

Segundo a autarquia “foi registada a submissão de duas candidaturas, que seguirão agora os trâmites definidos no concurso, que prevê a análise destas propostas, pelo júri, no decorrer das próximas semanas”.

O município de afirma que está “bastante optimista relativamente ao desenrolar deste procedimento” e que “o surgimento destes dois investidores, na exploração do Convento do Carmo, resulta do trabalho desenvolvido no último ano e meio pelos técnicos do município, Turismo de Portugal, Direção-Geral do Património Cultural e Direção Regional de Cultura do Alentejo”.

Ainda segundo a Câmara Municipal de Moura através do programa Revive, “pretende-se transformar o Convento do Carmo numa unidade hoteleira com 50 quartos, classificação mínima de quatro estrelas, cujo contrato de concessão prevê um investimento de cerca de oito milhões de euros”.


Comente esta notícia