I Encontro SMMI-S

Este primeiro encontro de trabalho, visa fomentar o diálogo entre os municípios do distrito de Beja que terão equipas de mediação no terreno, fruto da candidatura lançada pelo Alto Comissariado para as Migrações (ACM).

Nesta terça-feira, último dia do evento, o encontro começa às 10.30 horas para falar sobre o tema: “Mediação Intercultural e Território” e conta com a participação da RESMI – Rede de Ensino Superior para a Mediação Intercultural e do ACM – Alto Comissariado para as Migrações. Às 12.00 horas há formação em mediação, centrando atenções na realidade em Espanha.

A seguir ao almoço, às 14.00 horas, a temática da mediação foca atenções na visão doas migrantes e 20 minutos depois é debatido o tema: “IPBeja como Território Intercultural”. “A importância da Mediação Intercultural no Terreno” é analisada às 15.00 horas e às 16.20 horas, “A importância da Mediação em Serviços de Saúde”. As conclusões e balanço do encontro são apresentados às 17.00 horas, pela RESMI e ACM.

Recorde-se que o evento tem uma organização tripartida entre o IPBeja (ESEB, Lab-At e núcleo RESMI/IPBeja), a Câmara Municipal de Beja e Cáritas Diocesana de Beja. A iniciativa tem como convidado, o José Luís Sarasola, coordenador do Mestrado em Mediação, da Universidade Pablo de Olavide, em Sevilha, que trará uma visão do estado da arte em Espanha.


Comente esta notícia