“HOT TEA”, no cineteatro Municipal de Serpa.

“Histórias de gente comum, frágil, solitária, sitiada, oprimida, trazem-nos a problemática da violência e do sofrimento humano em diferentes aspetos e realidades contemporâneas e universais da vida, mas sem emitir juízos de valor que ficam para quem as leva consigo depois da sessão”, diz a Baal 17.

 O espetáculo pretende envolver o público num “universo de incertezas, contradições, mentiras, invenções”. “Nelas, mais importante do que as ações, são as palavras encadeadas de forma sucinta e rarefeita entre silêncios ensurdecedores. Histórias, por vezes brutais, em que quem toma a palavra é não apenas o ameaçado, mas também o manipulador e o torcionário”, segundo a companhia.

A reserva e compra antecipada de bilhetes deverá ser preferencialmente realizada até 24h00 antes do dia da apresentação.

Reservas através do e-mail baal.17@mail.telepac.pt, dos telefones 284 549 488 ou 961 363 107 ou ainda na sede da Baal17, no Cineteatro Municipal de Serpa, de segunda a sexta-feira, entre as 10h00 e as 17h00.

Para garantir a entrada faseada do público, a porta do Cineteatro abre 30 min antes do início dos espetáculos.

A entrada no Cineteatro Municipal de Serpa obriga ao uso de máscara, etiqueta respiratória, higienização das mãos e distanciamento social.


Comente esta notícia