URNA DE VOTOS IMAGEM

O Governo justificou aquela data na ponderação dos argumentos de que esta é uma data de compromisso para a marcação destas eleições, sublinhando que o agendamento para 6 de Outubro significaria que as comemorações da República se verificariam no dia de reflexão.

O ministro da Administração Interna disse também que 29 de Setembro é o último domingo do mês, quando já estão em pleno as aulas dos alunos e que é também relevante a circunstância de o período legal de campanha começar na segunda quinzena do mês de Setembro.

Recorde-se que os partidos da oposição defenderam as datas de 06 e 13 de Outubro para a realização das autárquicas e que os partidos da maioria governamental que as eleições para os órgãos locais deveriam acontecer a 22 de Setembro.


Comente esta notícia