Cuba bolsas de estudo ensino superior

Conforme sublinha o presidente da Câmara Municipal de Cuba, João Português, "a atribuição deste apoio é um importante auxilio aos jovens e à sua educação que são o pilar de base de qualquer região ou país”.

“O Município vê esta medida não como uma despesa mas como um investimento necessário e um apoio bastante relevante às famílias numa altura extremamente complexa em termos económicos e sociais. A atribuição destas de bolsas visa também estimular a frequência de cursos superiores, contribuindo para a criação de condições adequadas ao tecido económico concelhio, através da dotação de quadros técnicos superiores, fomentando um desenvolvimento sustentado”, acrescenta o presidente do Município de Cuba.

Recorde-se que para “além da matrícula num estabelecimento de ensino superior oficialmente reconhecido, o regulamento para a concessão deste apoio da CMC estipula também que os candidatos devem residir no concelho de Cuba há, pelo menos, dois anos; não possuir habilitações literárias de nível superior; e ter obtido aproveitamento escolar no ano letivo anterior ao da candidatura à bolsa de estudo (salvo interrupção dos estudos por motivos de força maior ou mudança de curso, devidamente justificada e por uma única vez)”. 


Comente esta notícia