Teatro

A ideia foi ouvir os agentes culturais, para conhecer as suas preocupações e propostas, relativamente ao momento que estamos a atravessar. Um momento que se caracteriza pelo cancelamento de ensaios, espectáculos, digressões e montagens uma situação que leva a tremendas dificuldades no sector da cultura, há mesmo um efeito dominó que tem levado à perda de toda a actividade prevista para os próximos 6 meses a 1 ano.

João Dias, deputado do PCP eleito por Beja, afirma que a situação já era difícil porque houve, por parte dos sucessivos governos, um desinvestimento na cultura, com a pandemia agravou-se. Para o deputado comunista o sector cultural tem vivido um “confinamento” de longas décadas.

Ainda segundo João Dias, o PCP apresentou, na Assembleia da República, um projecto de lei que visava a criação de um fundo de apoio social e de emergência para a cultura com apoios directos, só que foi rejeitado.


Comente esta notícia