VACINAS CONTRA A GRIPE

“Residentes em lares de idosos, profissionais de saúde, profissionais do setor social que prestam cuidados e grávidas estão entre os setores mais vulneráveis e serão os primeiros a poder ser vacinados. Na segunda fase, prevista para 19 de outubro, estão incluídos outros grupos de risco: pessoas com 65 ou mais anos e pessoas com doenças crónicas.”

Neste contexto de pandemia, Graça Freitas apelou “a todas as pessoas que tiverem indicação médica para que se vacinem”, salientando que este ano é "ainda mais importante que o façam".

“Além das vacinas gratuitas para as pessoas incluídas nos grupos de risco, haverá vacinas à venda nas farmácias que podem ser compradas com receita médica e são comparticipadas”, indicou, igualmente, Graça Freitas.


Comente esta notícia