ESTAÇÃO DE COMBOIOS DE BEJA

O comunicado da CP referia que “implementou alterações à oferta, que estarão em vigor até às 24:00 horas do dia 13 de abril (segunda-feira)”. Mais de um mês depois, só há dois horários para ir de Beja para Lisboa, um às 08.22 horas e outro às 18.22 horas. Se quiser fazer o percurso inverso só pode apanhar o comboio da manhã, às 07.02 horas ou o da tarde, às 17.02 horas. A Voz da Planície contactou a linha de apoio da CP: 707 210 220 e recebeu a informação de que os “horários suprimidos” não tinham sido retomados. Fez, também, uma pesquisa on-line e verificou que os horários disponíveis coincidem com a informação telefónica prestada. Na linha Beja/Lisboa/Beja passaram de cinco para dois, os horários existentes.

Florival Baiôa, do Beja Merece+, frisou à nossa estação que “é perigosa a supressão efetuada no fim-de-semana da Páscoa”, temendo que esta situação tenha sido “uma desculpa”. Acrescentou que “até à pandemia, o número de passageiros a utilizar o comboio, na linha em causa, tinha aumentado”.

Florival Baiôa diz que as “instituições de Beja têm de fazer algo” em relação a esta matéria. Avançou que o Beja Merece+ vai “confrontar a CP, no sentido de perceber o que pretende efetivamente”. Florival Baiôa está “preocupado” pois, na sua opinião, esta tomada de decisão “pode fazer perigar as promessas efetuadas para esta linha e que já estão legisladas”.

Recorde-se que a eletrificação da linha férrea Beja/Casa Branca é uma promessa que continua por cumprir. É preciso lembrar, também, que é um trajeto muito utilizado por quem trabalha em Beja e mora em localidades como Cuba, Alvito e Vila Nova da Baronia e que a supressão de horários no período da manhã, hora de almoço e final de tarde, como foi o caso podem colocar em risco, para estas pessoas, a utilização deste meio de transporte para fazerem face às suas atividades profissionais.


Comente esta notícia