apareceu a margarida

Depois da estreia em Março, o espectáculo volta a ser apresentado em Serpa, a professora Margarida vai dar a sua primeira aula a uma turma da quarta classe, os próprios espectadores. A professora é imprevisível, autoritária, sádica e maternal. Ela dá uma verdadeira anti-aula demonstrando que, às crianças, só resta obedecer, serem inexpressivas, impotentes e não terem nada a dizer. Dona Margarida retrata, com uma fúria avassaladora, os regimes totalitários que se multiplicam neste século XXI.

As interpretações estão a cargo de Bárbara Soares, Filipe Seixas, Rui Ramos e Sandra Serra, o espectáculo, classificado para maiores de 16 anos, é seguido de conversa com os artistas.

Este espectáculo está integrado na 4ª edição da iniciativa Cenas de Novembro, que a Baal 17 está a promover, até ao próximo dia 18, com a apresentação de um variado leque de iniciativas no CineTeatro Municipal de Serpa.






Comente esta notícia