energia fotovoltaica

Segundo o relatório, citado pelo Expresso, a produção de energia solar fotovoltaica em Portugal tem crescido de ano para ano, à medida que vão nascendo de Norte a Sul do país novas centrais solares de larga escala, à boleia de uma substancial redução no custo dos módulos fotovoltaicos. Os dados da Direcção-Geral de Energia e Geologia mostram que o País gerou, no ano passado, 1276 gigawatts hora de energia fotovoltaica, um pouco mais do dobro dos 627 GWh do que tinha produzido em 2014.

O Alentejo, região privilegiada devido à sua exposição solar, teve em 2019 uma produção fotovoltaica de 580 GWh. O que equivale a quase 12% de todo o consumo anual de electricidade da região. Em comparação, a região Norte produziu 149 GWh de energia fotovoltaica em 2019, o que corresponde a sensivelmente 1% do seu consumo anual.

No final do ano passado estavam instalados em Portugal 828 megawatts de capacidade fotovoltaica, há cinco anos eram 418 MW.


 



Comente esta notícia