ADPM

Esta iniciativa surge no âmbito do projecto Raízes, promovido pela ADPM-Associação de Defesa do Património de Mértola, em parceria com diversas entidades e conta com financiamento da União Europeia. Tem a duração de três anos, começou em Setembro de 2017 e pretende promover o turismo sustentável como factor de geração de rendimentos e melhoria das condições socioeconómicas na Ilha de Santo Antão. O objectivo específico do projecto é diversificar e qualificar a oferta turística com base no património e na capacitação das Organizações da Sociedade Civil na Ilha de Santo Antão.

Jorge Revez, presidente da ADPM, destaca a parceria com a Universidade do Algarve e o Instituto de Ciências Económicas e Empresariais que tornou possível a abertura do 1º doutoramento em Turismo em Cabo Verde.

Jorge Revez recorda ainda a importância que o sector do turismo tem para Cabo Verde e a lacuna que existe na qualificação de recursos humanos, uma situação que pode vir a ser alterada com a criação desta formação ao nível do ensino superior.


 


 


 


 


 



Comente esta notícia