Plataforma Alentejo

Em análise, nesta sessão aberta ao público, vão estar “as acessibilidades e transportes fundamentais para o desenvolvimento de todo o Alentejo”, projetos que a Plataforma quer ver “inscritos no PNPOT (versão 2018) e considerados no PNI 2030, como investimentos prioritários e de interesse nacional”.

A sessão na cidade de Beja é a primeira de um conjunto de iniciativas promovidas pela Plataforma Alentejo que irão acontecer durante este mês de setembro, com o objetivo de, por um lado, sensibilizar o poder central e a opinião pública sobre esta matéria e, por outro, recolher o máximo de assinaturas para a petição, que conta já com mais de mil subscritores.

A iniciativa que se realiza hoje, às 15.00 horas, será aberta por Filipe Pombeiro e os temas em debate contam com a participação de Manuel Tão, professor e investigador da Universidade do Algarve, especialista em ferrovia; Nuno Marques da Costa, geógrafo e professor no Instituto de Geografia e Ordenamento do Território da Universidade de Lisboa e de Elio Bernardino, engenheiro e mestre em Estruturas.




Comente esta notícia