ARQUIVO


Ministra da Agricultura inaugura hoje a Ovibeja...


A Ministra da Agricultura e o secretário de Estado Adjunto do Primeiro-Ministro vão estar hoje em cerimónias de inauguração na Ovibeja. A feira que abre hoje ao público, a partir das 09h30, com entradas gratuitas até às cinco da tarde, oferece um amplo leque de iniciativas para todas as idades. À noite, é tempo de ouvir os bejenses Virgem Suta e António Zambujo.

A Ovibeja abre hoje as portas a partir das nove e meia da manhã. Inaugurada pela Ministra da Agricultura, Assunção Cristas, a sessão oficial de abertura está agendada para as 15h00, no Auditório do NERBE.

Também o secretário de Estado Adjunto do Primeiro-Ministro, Carlos Moedas, marca presença no dia de abertura da Feira. O governante inaugura, ao meio dia e meia, uma escultura de homenagem ao associativismo agrícola e aos 30 anos da feira. O monumento, que é uma ovelha estilizada, da autoria de Margarida Araújo, vai ficar na alameda principal da Ovibeja, junto ao Pavilhão Multiusos.

A manhã de hoje conta ainda com a visita de embaixadores de todo o mundo. São cerca de 30, de países tão distintos como Espanha, Japão, Tunísia, Roménia, Estados Unidos.

Com entradas gratuitas até às 17h00, a feira oferece uma série de actividades para todos os gostos. A partir das 10h00 a RTP dinamiza, na feira, muita animação e apontamentos de reportagem em torno dos principais projectos da região. As escolas vão à feira, há concursos de animais, workshops, uma gincana equestre com utentes do centro de Paralisia Cerebral de Beja e, ainda no período da manhã, é organizado um colóquio sobre “Novas tecnologias de produção de Trigo de Qualidade em Regadio”.

A comemorar 30 anos, a Ovibeja é uma feira madura e que não engana o visitante, conforme destaca Castro e Brito, presidente da Comissão organizadora da feira:

A partir das seis da tarde é tempo de tertúlias e provas de vinhos. O ponto de encontro para os saberes e sabores do vinho é no Pavilhão “Vinhos e Azeites”.

À noite, vésperas do 25 de Abril, o palco da Ovibeja vai estar, a partir das 22h30, a cargo dos Virgem Suta e de António Zambujo.

No ano em que a Ovibeja comemora 30 anos, o palco vai ser estreado pelos Virgem Suta, a banda bejense de Nuno Figueiredo e Jorge Benvinda. Os Virgem Suta abrem a primeira noite de espectáculos com músicas em redor dos dois álbuns editados: “Doce Lar”, o mais recente, com “Beija-me na Boca”, “Maria Alice”, “Comer e Calar”, “Exporto a Tristeza”, entre outros sucessos da banda. Mas, outras músicas que já levaram os fãs de Norte a Sul do País podem também entoar na Ovibeja, como “Linhas Cruzadas”, “Vovó Joaquina” e, entre outras, a incontornável “Dança de Balcão”.

A noite prossegue com António Zambujo, o filho de Beja que já viu a sua obra elogiada e referenciada em todo o mundo. “Quinto” é o último álbum que se segue a “Guia”, editado em 2010, “Outro Sentido” em 2007, “Por meu Cante” em 2004 e “O mesmo Fado”, o álbum de lançamento, em 2002, da sua carreira.

A primeira noite da Ovibeja termina com a ctuação de um DJ, garraiada e as tão afamadas ovinoites.

24/04/2013 - 00:00